Agricultura familiar amplia tempo para participar de programas de incentivo à produção

Governo de Minas Gerais prorroga até o dia 30 de setembro prazo para recebimento de projetos de associações e cooperativas

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário (Seda) prorrogou até o dia 30 de setembro o prazo final para o recebimento de propostas de associações e cooperativas de produtores interessados em participar de quatro chamadas públicas. Os editais preveem o financiamento de projetos para melhoramento do rebanho, recuperação de áreas degradadas, agroindústria e produção de frutos do cerrado.

20150914-estado-editais-da-secretaria-de-desenvolvimento-agrario-01

Com o adiamento do prazo final, agricultores e agricultoras familiares de Minas Gerais terão mais tempo e poderão elaborar bons projetos, beneficiando-se de novos programas de incentivo liberados pelo Governo do Estado por meio dos editais. O novo prazo foi publicado no Minas Gerais – Diário Oficial do Estado – no último sábado (12/9).

Com valores que variam de R$ 50 mil a RS 200 mil, os editais consistem no financiamento de projetos de recuperação de áreas degradadas, produção de frutos do cerrado e na diversificação das atividades produtivas com leite e seus derivados.

O programa é destinado a entidades e organizações representativas de agricultores familiares e dos povos e comunidades tradicionais, além dos assentados da reforma agrária e atingidos por grandes empreendimentos.

Entidades privadas sem fins lucrativos e que desenvolvem atividades relacionadas ao objetivo dos editais também poderão participar. Individualmente, o produtor não poderá participar.

Os projetos deverão ser pessoalmente apresentados no Protocolo Geral da Cidade Administrativa até às 17 horas do dia 30 de setembro. Para quem reside no interior, a proposta poderá ser postada, via Correios, até a mesma data, em correspondência registrada e com Aviso de Recebimento.

Associações interessadas podem acessar os editais no portal http://agrario.mg.gov.br/chamada-publica/.