Agricultura Familiar terá pacote de incentivos em Minas Gerais

 

O secretário Glenio Martins participou da abertura oficial da 9ª Agriminas. Foto: Divulgação/Seda
O secretário Glenio Martins participou da abertura oficial da 9ª Agriminas. Foto: Divulgação/Seda

Nos próximos dias a Agricultura Familiar de Minas Gerais receberá um novo pacote de incentivos e ações para o fortalecimento da atividade. O anúncio foi feito pelo secretário de Estado de Desenvolvimento Agrário, Glenio Martins, durante abertura da 9ª edição da Feira da Agricultura Familiar de Minas Gerais (Agriminas), que será realizada em Belo Horizonte até o próximo domingo.

Representante do governador Fernando Pimentel na solenidade oficial, Glenio Martins disse que o conjunto de medidas tem como eixos a regularização fundiária, o acesso à terra, a segurança alimentar, o apoio à produção e o acesso aos mercados. O secretário criticou a omissão do governo anterior com a questão agrária no Estado e reforçou o compromisso do Governo Pimentel com os trabalhadores e trabalhadoras rurais de Minas.

“Encontramos 16 mil processos de regularização de terras parados no Estado. Não vamos poupar esforços para corrigir essas distorções e já retomamos o programa de regularização fundiária”, afirmou. Durante o evento, a Seda lançará cartilha com informações sobre pedido de emissão de títulos de posse de terras devolutas – terrenos públicos que nunca pertenceram a um particular, mesmo estando ocupadas.

Parceria com Epamig

Durante o evento, o presidente da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), Rui da Silva Verneque, assinou termo de cooperação técnica com a Fetaemg. Segundo a Epamig, empresa vinculada à Secretaria de Estado de Agricultura Pecuária e Abastecimento (Seapa) , o objetivo da parceria é compartilhar conhecimento a cerca de mudanças climáticas para evitar perdas na produção.

A cerimônia contou com as presenças do ministro de Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias, do presidente da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Minas Gerais (Fetaemg), Vilson Luiz da Silva, do presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (CONTAG), Alberto Broch, do presidente da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Adilson Araújo, entre outras autoridades.

Apoio do Governo

Promovida pela Fetaemg, com o apoio do Governo de Minas Gerais, a feira tem 140 expositores com produtos alimentícios típicos da agroindústria familiar e peças de artesanato sustentável. A expectativa é de um público de cerca de 40 mil visitantes durante os cinco dias de evento.

Pela primeira vez sob coordenação da recém-criada Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário (Seda), o estande do Governo de Minas Gerais é o espaço para tirar dúvidas e fazer esclarecimentos sobre regularização fundiária, crédito rural, acesso a mercados, entre outros temas. A Seapa também esta presente, com o apoio de técnicos das empresas vinculadas: Emater-MG, Epamig, IMA e Ruralminas.