Seda discute projetos para ampliar produção e consumo de peixes

DSC06752 (1)

                A ampliação da produção e consumo  de peixes em Minas Gerais foi tema  de encontro entre o secretário Glenio Martins e o ex-ministro da Secretaria Especial de Aquicultura e Pesca da Presidência da República, José Fritsch, na tarde desta sexta feira (1º),  em Belo Horizonte, para discutir projetos que alavanquem a piscicultura de Minas Gerais.
O encontro serviu ainda para levantar estratégias a serem desenvolvidas na piscicultura. “O estado tem uma vontade de fazer com que projetos sejam pensados e desenvolvidos. Combinando  algumas ações de governo,  podemos ter, por exemplo, o peixe na merenda escolar”, disse o ex-ministro Fritsch que atualmente trabalha com consultoria de projetos ligados ao desenvolvimento da piscicultura.
Para o secretário Glenio Martins, é importante conhecer o trabalho que vem sendo realizado em outros estados. “Existem projetos antigos, como no Acre, que há uma grande produção de psicultura. Piauí e Maranhão também se enquadram como bons produtores”, afirma.

                De acordo com José Fritsch, Minas Gerais tem um potencial enorme na produção de peixes, tanto pela abundancia de água quanto por seus reservatórios. A produção de tanques rede, inclusive, é um destaque observado no estado. “Estamos trazendo uma discussão sobre qual é a melhor estratégia para fazer com que o agricultor familiar queira se integrar num processo de produção de peixes”, explica.

                Questões como comercialização e consumo, industrialização, produção de ração, organização de toda logística de transporte, são as metas para fazer com que o peixe chegue à mesa do consumidor com qualidade, bem produzido e saboroso. “Minas Gerais tem tradição de consumir peixes nos centros urbanos, esta discussão é mais do que pertinente no momento”, finalizou Fritsch.

                 Também participaram do encontro, o coordenador Técnico Regional da Emater-MG, José Eduardo Aracena Rasguido e  o Superintendente de Apoio a Produção Sustentável da Seda, Pedro de Freitas.