Seda realiza entrega de escrituras de terras aos beneficiários do crédito fundiário

foto

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário (Seda) realizou nessa quarta-feira (10/8) a entrega de escrituras de terras a três beneficiários do Programa Nacional de Crédito Fundiário. A solenidade aconteceu durante a abertura da 10ª edição da Agriminas na Serraria Souza Pinto, em Belo Horizonte. Mais de 110 famílias de comunidades rurais do município de João Pinheiro, no Noroeste mineiro, foram contempladas no ato.

“Essa entrega representa 112 famílias da cidade de João Pinheiro, e nós da Seda queremos continuar fazendo este trabalho, entregando mais escrituras e regularizando mais terras para que o homem do campo continue produzindo”, disse o secretário de Estado de Desenvolvimento Agrário, Professor Neivaldo.

Os beneficiários Sonaldo de Souza Leite e Eliete de Oliveira Souto representaram as 103 famílias da Associação Jardim, e o beneficiário Onofre Flávio de Souza representou 9 famílias da Associação Jardim Calçado, ambas do município de João Pinheiro.

“Sempre esperamos essa entrega e é uma das coisas mais importantes da minha vida. Nós agricultores nunca tivemos um hectare de terra para produzir. Isso vai influenciar muito na vida da minha família, todos nós somos agricultores familiares. Minha renda e produção vão aumentar com essa terra”, disse o beneficiário Sonaldo de Souza Leite.

A assistência técnica às atividades produtivas dessas famílias será realizada por meio de um convênio entre a Cooperfam – Cooperativa Agroecológica da Agricultura Familiar do Caminho de Assis – e as Associações Jardim e Jardim Calçado. O convênio terá duração de cinco anos.

Agriminas

Até o próximo domingo (14/8), a Serraria Souza Pinto, em Belo Horizonte, reunirá em uma só feira “o que há de melhor” na agricultura familiar de Minas Gerais, com a realização da 10ª edição da Agriminas. Referência nacional na geração de negócios, o evento é uma realização da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de Minas Gerais (Fetaemg), com apoio do Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário (Seda).

Os visitantes poderão desfrutar da cultura do campo por meio de exposições e vendas de produtos, palestras, shows e degustação de alimentos diversos. Ao todo, cerca de 180 empreendimentos com produtos alimentícios típicos da agricultura familiar irão expor na feira. Neste ano, a novidade é a exposição de objetos e artesanatos típicos do interior.